fbpx

Tratamento de Olheiras

As olheiras podem ser ocasionadas por noites mal dormidas, cansaço e estresse. Assim como mudanças hormonais, tabagismo, excesso de sal, dietas muito restritivas e a genética.

A pele ao redor dos olhos é muito fina. Por isso, diversos fatores podem desencadear o aparecimento dos vasinhos na pálpebra inferior, alterando sua cor e o relevo.

 

Veja também:

 

Existem diversos tipos de olheiras e cada uma delas pede um tipo de tratamento. Isso porque os sinais aparentes são diferentes:

  • Hiperpigmentadas: se desenvolvem como manchas escuras ao redor dos olhos devido à estagnação de sangue. Assim, o tom pode ser amarronzado ou arroxeado. As profundas são causadas pela anatomia ocular, gerando uma sombra na região. Entretanto, a edematosas são o inchaço da pálpebra, em virtude de estresse ou noites mal dormidas;
  • Pigmentação vascular: tem maior incidência em pessoas jovens com pele fina. Por conta da tonalidade clara da pele, é possível ver os vasos. Portanto, torna a região mais escura do que o restante do rosto. Outro tipo de olheiras são as que apresentam bolsas de gordura, flacidez e mudança de cor na área.

olheiras

Tratamentos

  • Preenchimento com ácido hialurônico: por meio de uma agulha ou cânula bem fina, o ácido é introduzido logo abaixo do músculo, corrigindo o relevo da pele, mas não age na cor das olheiras. Por isso é indicado que outras técnicas sejam associadas ao preenchimento;
  • Laser: este tratamento é o menos agressivo. A luz emitida em pulsos ultrarrápidos age quebrando os pigmentos da melanina e destrói os vasinhos, com isso há o clareamento da pele. O procedimento ainda diminui a intensidade dos vasos, reduzindo o transporte do sangue para a região, melhorando a cor.