fbpx

Endometriose

A endometriose é uma condição em que o endométrio, mucosa responsável por revestir a parte interna do útero, cresce para outras áreas do corpo,. Nesse sentido, os órgãos pélvicos são os mais atingidos, principalmente ovários, parte externa do útero, tubas uterinas, a bexiga e o reto. De fato é um problema comum, podendo ocorrer em várias gerações de uma mesma família.

Normalmente é diagnosticada entre vinte e cinco e trinta e cinco anos. Mas tem início após alguns meses da primeira menstruação.

 

Veja também:

 

Todos os meses, por conta da menstruação, os estímulos hormonais provocam sangramento onde houver tecido endometrial, inclusive nos focos da endometriose. Por isso, gera irritação e inflamações locais. Por consequência disso, há intensas cólicas menstruais. De acordo com cada caso, podem apresentar também dispareunia (dor durante a relação sexual), dor nas evacuações e/ou às micções, irregularidade menstrual e infertilidade.

 

Diagnóstico de endometriose

 

O diagnóstico é feito por um ginecologista especializado que solicitará uma laparoscopia exploradora, ultrassom pélvico e transvaginal. Assim como exame de sangue e ressonância magnética para descobrir se a paciente tem ou não a doença.

A endometriose é a causa da infertilidade de, aproximadamente, 10 a 15% dos casais. De acordo com o caso, a ablação dos focos por laparoscopia pode solucionar o problema ou pode ser indicada fertilização in vitro.

endometriose

Tratamento

 

O tratamento é feito para impedir a evolução da doença e reduzir os sintomas. Idade, dor, localização do foco e extensão são os fatores que determinam como será o tratamento. Varia de acordo com o grau de acometimentos e pode ser clínico, em que são indicados analgésicos durante o período das crises. Também com uso de anticoncepcionais orais para inibir a ovulação ou progestagênios, que atrofiam os focos. Podem ser orais, intramuscular, implante subcutâneo ou ainda o DIU de progesterona.  Outra opção, sem dúvida, é a cirurgia.

É muito importante que, ao notar qualquer tipo de sintoma ou alteração, as mulheres buscarem um profissional qualificado e experiente. Dessa forma, podem descobrir a doença e decidirem a melhor opção de tratamento.